“Todo mundo deveria aprender a programar um computador, porque ensina a pensar” – Steve Jobs, 1995

Segundo Steve Jobs todo mundo deveria aprender a programar porque isto ajuda as pessoas a pensarem de forma lógica. Eu também acredito que todos deveriam aprender a programar, para o desenvolvimento do raciocínio lógico e diversos outros motivos. Porém, gostaria de direcionar esta questão para um grupo em especial, o qual tenho atuado a alguns anos, os administradores. Por que um administrador, ou alguém estudando administração, deveria aprender a programar? Esta questão já lhe veio a mente? Você como administrador ou futuro administrador, o que pensa a respeito?
Muitos acreditam que não deveriam aprender a programar, que isto é apenas para os profissionais de TI. Entretando, um artigo da revista Forbes de 2018 trouxe esta discussão a tona. De acordo com o artigo todos deveriam aprender a programar, ou pelo menos entender de programação. Isto não apenas ajudaria o pessoal de TI, como também seria uma forma deste profissional desenvolver suas habilidades profissionais. Pessoas com este tipo de conhecimento podem ser mais úteis dentro da organização e estão sendo cada vez mais requisitados no mercado. Além disso, podemos citar algumas razões que mostram a vantagem de se aprender a programar.
Seja auto-suficiente
Em geral as equipes de TI estão ficando cada vez mais sobrecarregadas com as demandas dos departamentos da empresas. O motivo é muito simples, cada vez mais são utilizados sistemas de informação nas organizações para automação de processos. Na era da informação o volume de papéis diminui ao passo que formulários, requisições, relatórios são convertidos para formatos digitais. Isto faz com que a demanda e o backlog da equipe de TI aumente. 
Desta forma, um profissional que sabe programar pode resolver muitos problemas por conta própria, diminuindo sua dependência da equipe de TI. Um profissional de marketing poderia por exemplo alterar o layout de uma página web, assim como fazer atualizações relacionadas a novas campanhas. Um profissional da área financeira poderia integrar sua planilha de cálculo com algum sistema de banco de dados para consolidação de determinadas informações. Assim como alguém da área de produção poderia desenvolver rotinas de cálculos para algumas análises específicas não contempladas pelo SCM da empresa.
Melhore a comunicação
Em algumas situações talvez você não possa desenvolver um pequeno sistema para poder integrá-lo com o da empresa. Porém, existem situações em que os dados são compartilhados por outras áreas dentro de um sistema ERP, sendo assim existem critérios e restrições para poder manipulá-los. De qualquer forma, quando se sabe programar a comunicação com a equipe de TI fica muito mais fácil. Muitas vezes o atraso de um projeto se dá justamente pela comunicação deficiente entre uma área da empresa e a equipe de TI. Isto gera muitas idas e vindas. Quando você fala a mesma língua o processo flui mais rápido, o que ajuda a ter o seu projeto concluído num menor espaço de tempo. Isto também ajuda a reduzir o número de erros.
As empresas costumam eleger um stakeholder dentro de cada áera para discutir sobre sistemas com o pessoal de TI. Se você sabe programação isto o torna alguém elegível para esta posição. O que pode ser muito bom para o desenvolvimento do seu plano de carreia dentro da empresa. Eventualmente isto também pode servir de argumento para discutir um aumento de salário.
Portas podem se abrir
Mesmo que as oportunidades dentro da empresa não sejam tão promissoras, certamente este tipo de conhecimento lhe dará melhores condições no mercado de trabalho. Muitas empresas tem buscado profissionais com este tipo de conhecimento técnico, alinhado com sua área de atuação em business. O Linkedin é uma ferramente muito útil para sua carreira profissional. Nesta plataforma você pode colocar o seu currículum com todas suas habilidades técnicas, assim como se conectar com outros profissionais para aumentar seu network. 
Praticamente todas as empresas hoje tem feito uso desta plataforma para busca de novos profissionais no mercado. Sendo um destes profissionais com conhecimento de programação alinhado com business você pode ser facilmente encontrado pelas empresas. Muitos profissionais tem recebido ofertas de emprego muito interessantes, algumas para atuar fora do País.
Mas, por onde começar?
Para quem pretende desenvolver este tipo de conhecimento pode parecer desafiador. Mas lembre-se: toda jornada começa com o primeiro passo! Porém, mesmo que você já tenha se convencido de que aprender a programar pode ser essencial para a sua carreira, talvez pergunte: Qual linguagem de programação deveria aprender? Por onde começar?
Existem hoje no mercado várias linguagens de programação. As linguagens são classificadas pelo seu grau de complexidade e aplicações. Um nível de dificuldade para se aprender uma linguagem de programação é medido pela curva de aprendizagem. Quando menor a curva, mais fácil será aprender esta linguagem de programação.
Tenho trabalhado com diversas linguagem de programação. Python é sem dúvida uma das melhores linguagens para se iniciar. Ela foi criada para ser simples, desta forma sua curva de aprendizado é curta. É uma linguagem ideal para quem é da área de business poder começar. 
Como professor nos cursos de administração tenho ensinado Python para meus alunos. Criei um curso de Introdução a linguagem PythonGRATUÍTO na plataforma Udemy. Se desejar, poderá se inscrever no curso e fazer um teste drive (CLIQUE AQUI). Quem sabe não seja este o ponta pé inicial que precisava para dar um novo rumo a sua carreira profissional!